Fortaleza de São José proporciona manhã cultural para jovens do Projeto Maré do Amanhã

     A manhã do dia 24 de agosto foi de música e cultura para trinta jovens do Projeto Orquestra Maré do Amanhã, que visitaram a Fortaleza de São José (FSJ) da Ilha das Cobras, no Centro do Rio.

     No Pátio Almirante Maximiano, os visitantes se encantaram com a apresentação da Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais, caracterizada por formar figuras e fazer evoluções enquanto executa dobrados militares e canções populares adaptadas.

     Em seguida, no auditório da Companhia de Bandas, após fazer uma breve introdução de seus instrumentos musicais, a Banda Sinfônica executou sucessos nacionais e internacionais, como “Tico-Tico no Fubá”, “What a Wonderful World” e “Aquarela do Brasil”.

     Representando os jovens presentes à visita, o maestro do Projeto Maré, Felipe Kochem, de 36 anos, agradeceu a receptividade e elogiou a atuação dos militares-músicos do CFN.

     - É uma alegria muito grande a honra de partilharem essa manhã conosco. A única palavra que me vem à mente é perfeição. Vamos guardar esse dia com muito carinho e voltar para casa inspirados -, elogiou.

     Projeto Maré do Amanhã – Concebido após dois anos de preparação e estudos pela equipe da Associação Cultural Armando Prazeres, o Projeto Orquestra Maré do Amanhã utiliza a música como ferramenta de transformação social e profissional. O trabalho abrange cerca de 2 mil crianças e jovens na faixa dos 4 a 18 anos, todas moradoras de comunidades em risco social.