Auditoria Externa de Manutenção da Certificação ISO NBR 9001:2015 no CTMRJ e CASNAV, e Auditoria de “Gap Analysis” no IEAPM e IPqM em 2019

Abas primárias


O Auditor da Lloyd’s Register e os representantes do CTMRJ

 

No período de 05 a 08 de agosto de 2019 o Centro Tecnológico da Marinha no Rio de Janeiro (CTMRJ) e suas ICT subordinadas receberam a visita do Auditor Externo da Lloyd’s Register, Sr. Nairson Oliveira, para o cumprimento da seguinte agenda:

 

  •  dia 05 de agosto de 2019, durante todo o dia: realização da Auditoria de Manutenção da Certificação ISO NBR 9001:2015 no CTMRJ;
  •  dia 06 de agosto de 2019, no período da manhã: realização da Auditoria de Manutenção da Certificação ISO NBR 9001:2015 no CASNAV;
  •  dia 06 de agosto de 2019, no período da tarde: realização da Auditoria de “Gap Analysis” no IPqM; e
  •  dia 07 de agosto de 2019, no período da tarde, e dia 08 de agosto durante todo o dia: realização da Auditoria de “Gap Analysis” no IEAPM.

Como resultado das Auditorias de Certificação, foi recomendada a manutenção da Certificação da denominada “OM centralizadora”, o CTMRJ, e de sua “OM subordinada”, o CASNAV.

 

O Auditor da Lloyd’s Register e os representantes do CASNAV

Com a realização destas Auditorias de Manutenção da Certificação o CTMRJ e o CASNAV completam o ciclo de Auditorias Externas previstas para o ano de 2019, sendo que as mesmas complementam um ciclo de Auditorias que é exigido pelas Certificadora (Lloyd’s Register) para a validação de seu Certificado atual que, no caso do CTMRJ e CASNAV, possui sua validade até janeiro de 2021, tendo sido emitido em 12 de junho de 2018. No ano de 2020 serão realizadas novas Auditorias de Manutenção da Certificação, completando o ciclo de 3 anos exigido pelas Certificadoras e, em 2021, o CTMRJ e CASNAV terão que passar por novas Auditorias de Certificação.

Com relação às Auditorias de “Gap Analysis”, o Auditor Externo da Lloyd’s Register procedeu à análise de documentação do Sistema de Gestão da Qualidade e realização de entrevistas com o pessoal das OM visitadas, para a busca da conformidade com a Norma, tendo sido apresentados os seguintes resultados:

  • A redefinição do escopo da aplicabilidade da ISO 9001:2015 limitada a apenas um ensaio da Divisão de Sistemas Inerciais (IPqM-113), escolhido e definido pelo próprio IPqM; e
  • Manutenção do escopo da aplicabilidade da ISO 9001:2015 em todo o IEAPM, tendo sido definido como: “Gestão de projetos integrados com os cursos de mestrado e doutorado em biotecnologia marinha e acústica submarina”.

Estas Auditorias de “Gap Analysis” fazem parte da preparação para a Certificação da Norma NBR ISO 9001:2015, as quais serão complementadas com a realização das Auditorias Externas de Certificação da Lloyd's Register, também presencial, as quais ocorrerão respectivamente nos dias 12 e 13 de novembro de 2019 (IEAPM) e no dia 14 de novembro de 2019 (IPqM). 

A principal vantagem da implantação da NBR ISO 9001 é indicada já no seu conceito. E como ela melhora a gestão da qualidade, a organização que a adota se torna mais eficiente e seus procedimentos operacionais são otimizados, aumentando a produtividade e diminuindo o desperdício. Para o consumidor, a grande vantagem é ser atendido por organizações que têm o objetivo satisfazê-lo de forma estruturada e focada no aumento da sua satisfação.