DIASA

        Departamento de Inspeção e Assessoria de Adestramento do CAAML é o responsável por conduzir Inspeções nos meios de superfície da Esquadra e prestar Assessoria de Adestramento aos navios em Fase III. Possui as seguintes Divisões:

        Divisão de Armamento

        Divisão de Operações

        Divisão de Máquinas

        Inclui em sua lotação 5 oficiais e 12 praças distribuídos de acordo com suas qualificações e especialidades nas seções de:Armamento e Sistemas de Armas, Fainas Marinheiras, Operações e Comunicações, Navegação, Propulsão e Máquinas Auxiliares, e Controle de Avarias.

Suas tarefas são:

        I. disseminar doutrinas táticas e procedimentos operativos;

        II. executar trabalhos, estudos e serviços comuns com outros Departamentos;

        III. ministrar aulas, palestras e adestramentos;

        IV. prover recursos de pessoal para integrar as CIAsA;

        V. efetuar inspeções de verificação de desempenho nas unidades de superfície da Esquadra e unidades navais dos Distritos Navais, quando solicitado, e prestar assessoria de adestramento a essas unidades, de acordo com as normas em vigor.

        VI. manter o arquivo dos relatórios e demais documentos elaborados por ocasião das Inspeções e Adestramentos a bordo das unidades de superfície da Esquadra;

        VII. supervisionar Programas de Adestramentos aplicados às unidades de superfície da Esquadra; e
VIII. participar de pré-sail, briefing e debriefing de comissões operativas da Esquadra.

 

        Assim, podemos dizer que o DIAsA é o “Braço Avançado” do CAAML, atuando a bordo dos navios, orientando, instruindo e confirmando com a prática dos exercícios os procedimentos operativos adotados pela Esquadra e adquiridos na teoria em salas de aula ou simuladoresnavios da marinha do BrasilDIAsA À BORDO

        O DIAsA realiza Inspeções Operativas, auxiliando os navios a ingressarem na Fase III de adestramento de seu Ciclo Operativo. Também está presente em comissões operativas da Esquadra, aproveitando os exercícios programados pelos Comandantes dos Grupos-Tarefa para incrementar o adestramento das tripulações dos navios da Marinha do Brasil.