Rio de Janeiro é palco da maior regata da América Latina

Leia Mais

Rio de Janeiro é palco da maior regata da América Latina

Mais de mil atletas participaram da 78ª edição da Regata Escola Naval
09/10/2023
Primeiro-Tenente (RM2-T) Leonardo Trindade
Rio de Janeiro, RJ

No último domingo (8), as águas da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, receberam a 78ª edição da Regata Escola Naval (EN). Tradicionalmente realizado no segundo domingo de outubro, Dia do Velejador, o evento náutico é um dos mais tradicionais do calendário do iatismo nacional, sendo reconhecido como a maior regata da América Latina. A Regata foi aberta a todas as classes de veleiros e contou com mais de mil competidores nacionais e estrangeiros.

Para o Comandante da Escola Naval, Contra-Almirante Adriano Marcelino Batista, a Regata Escola Naval incentiva a prática do esporte por ser um evento inclusivo e gratuito. “Estamos muito felizes por receber todos os competidores aqui na Escola Naval. Todos são muito bem-vindos. Prezamos pela democratização do evento, por isso é um evento totalmente gratuito. Independente do barco que a pessoa possui, ela pode participar dessa celebração. A única orientação é que tenha pelo menos três pessoas para velejar, mas, ainda assim, premiamos essas pessoas como forma de incentivo e fomento à mentalidade marítima”, reforçou.


O público acompanhou atento a Regata. Imagem: 3SG-MR Varejão

Na categoria das Marinhas Amigas, a equipe da EN ficou em primeiro lugar, seguida da equipe pertencente à Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante (EFOMM), em segundo lugar; a equipe da Índia, em terceiro; os velejadores da Itália, em quarto lugar e os representantes da Espanha, em quinto. O resultado final geral de toda a Regata será conhecido no dia 20 de outubro, na Escola Naval.

“Estes eventos têm significativa importância no incentivo ao esporte; além de ser uma grande competição, este é um momento de mostrar à sociedade do que se trata o uso do mar e da vela. O Brasil é conhecido como o país do futebol, todavia, possui um dos maiores litorais do mundo e a vela é o esporte que mais rendeu medalhas de ouro em olimpíadas para o nosso País. Dessa forma, é substancial que a sociedade conheça e participe de eventos relacionados a esse esporte”, destacou o Chefe do Departamento de Formação Marinheira da Escola Naval, Capitão de Corveta José Viana da Silva Neto.


Cerimônia de premiaçao das três melhores equipes. Imagem: Acervo Escola Naval

Além de acompanhar a Regata, o público que compareceu participou, gratuitamente, de exposições interativas com embarcações, aeronaves e carros de combate; apresentação de cães de guerra da Companhia de Polícia do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN); e show da Banda Marcial do CFN. Além disso, os visitantes puderam conhecer o museu e o planetário da Escola Naval.

Galeria de fotos: 
Agência Marinha de Notícias