Navio Aeródromo Multipropósito “Atlântico” atraca na Paraíba pela primeira vez

Leia Mais

Navio Aeródromo Multipropósito “Atlântico” atraca na Paraíba pela primeira vez

Mais de 13 mil pessoas visitaram o Navio no Porto de Cabedelo
19/03/2024
Primeiro-Tenente (T) Taise Oliveira e Segundo-Tenente (RM2-T) Milena Ribeiro
Abordo do NAM "Atlântico"

Quem olhou para o horizonte do Porto de Cabedelo (PB), no último fim de semana, pôde ver uma paisagem inédita. Integrando a Operação “ADEREX-I 2024”, o maior navio de guerra da Esquadra brasileira, o Navio-Aeródromo Multipropósito (NAM) “Atlântico”, atracou em águas paraibanas, pela primeira vez.

Entre os eventos de boas-vindas para a cidade, a Marinha do Brasil (MB) organizou a tradicional visitação pública neste domingo (17). Após 8 horas, foi registrada a presença de 13.377 pessoas, que lotaram a embarcação e conheceram equipamentos, aeronaves, o convés de voo e os carros de combate dos Fuzileiros Navais.

A fisioterapeuta Larissa Duarte levou o filho de três anos, pela primeira vez, para esse tipo de evento e garante que, no final das contas, todo mundo se divertiu. “Não sei quem estava mais empolgado, se é o filho, o pai ou a mãe. Nos divertimos bastante e ainda tivemos a oportunidade de conhecer os helicópteros e saber a função deles e de tudo dentro do navio”, conta.


Larissa e a família aproveitaram um domingo diferente a bordo do NAM “Atlântico” – Imagem: 1SG-ET Monteiro

A aposentada Isabel Silva é turista de São Paulo e ficou feliz em poder aproveitar essa programação diferente nas férias. “Mal cheguei aqui e tive o privilégio de conhecer esse Navio surpreendente, além de fazer um passeio maravilhoso”. A turista ainda fez questão de relatar a satisfação com a organização. “Vi acessibilidade, fila única para gestantes, crianças e terceira idade e eu me incluo nisso. Estou muito feliz com essa oportunidade”.

Além de Larissa e Isabel, idosos e crianças, que visitaram o Capitânia da Esquadra brasileira, também conferiram de perto detalhes que despertam a curiosidade. Fábio Emerson tem apenas 12 anos, mas veio justamente para saber o que é um navio de verdade: “Eu sou muito interessado e fiquei bem curioso em conhecer como os equipamentos funcionam e como é a vida aqui dentro. Quem sabe um dia não viro um marinheiro também”.


A aposentada Isabel aproveita para registrar o passeio ao lado do marido – Imagem:     2SG-DA Flávia

O Comandante do NAM “Atlântico”, Capitão de Mar e Guerra Eugenio Huguenin, descreveu o sentimento em levar o Navio pela primeira vez à Paraíba e a relevância dessa ligação com o povo. “Essa vinda mostra a importância dessa cidade e do estado para a Marinha do Brasil, sendo uma oportunidade para difundir a consciência marítima. É um grande momento para nós, por ensejar uma aproximação muito mais forte com a sociedade”, afirmou.

Programação ADEREX I- 2024

A abertura do NAM à população ocorreu simultaneamente à visitação pública às Fragatas “Liberal”, “Independência” e “União”, em Vitória (ES). A programação é uma das ações que integram a Operação “ADEREX-I 2024”, que teve início em 3 de março, quando o NAM partiu do Rio de Janeiro (RJ), e se encerra no dia 25 deste mês, data do regresso da embarcação.

Nesta segunda-feira (18), o NAM “Atlântico” despediu-se da terra em que o sol nasce primeiro. No caminho de volta aos mares do Rio de Janeiro, o Capitânia realizará diversos exercícios operativos para aprimorar a prontidão e a capacidade combatente das unidades navais e aeronavais que participam da Operação.

Assista ao vídeo:

Galeria de fotos: 
Agência Marinha de Notícias