Marinha realiza ação cívico-social em Fortaleza (CE)

Leia Mais

Marinha realiza ação cívico-social em Fortaleza (CE)

Atividades fazem parte da Operação “Aspirantex 2024”, em apoio ao Estado
21/01/2024
Agência Marinha de Notícias
Fortaleza, CE
A Marinha do Brasil (MB) realizou, nos dias 19 e 20 de janeiro, uma grande ação cívico-social, na cidade de Fortaleza (CE), com objetivo de prestar apoio à sociedade cearense. Cerca de 350 militares foram empregados em atividades de revitalização de escola pública, de doação de sangue e de alimentos não perecíveis e itens de higiene pessoal, além de atendimentos médicos e odontológicos a bordo do Navio-Aeródromo Multipropósito (NAM) “Atlântico”. Essa iniciativa ocorre em proveito da Operação “Aspirantex 2024”, que é dividida em duas etapas: exercícios operativos no mar e assistência social nos portos.
 
Ao todo, cerca de 120 pessoas foram atendidas por militares médicos e dentistas no NAM “Atlântico”. Houve consultas nas áreas de pediatra, ortopedia, neurologia e clínica geral. Enquanto os pacientes aguardavam atendimento, eles participaram de oficinas de higiene bucal e de primeiros socorros; e visitaram a exposição de viaturas dos Fuzileiros Navais. A ação ocorreu com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza.
 
Na casa de acolhimento a idosas Recanto do Sagrado Coração de Jesus, foi doada mais de uma tonelada de alimentos não perecíveis e materiais de higiene pessoal. A casa, dirigida por irmãs vicentinas, abriga 37 mulheres com mais de 60 anos e oferece, diariamente, alimentação para 130 pessoas em situação de vulnerabilidade social.
 
Doação de alimentos para a casa de acolhimento Recanto do Sagrado Coração de Jesus
 
Já na escola Ensino Médio em Tempo Integral Matias Beck, militares Fragata “Liberal” passaram o dia realizando pequenos reparos de hidráulica e elétrica, além de pinturas, como da fachada da instituição e da quadra esportiva.
 
“É um grande presente receber uma ação que revitaliza a escola antes do início do ano letivo. Agradeço a experiência e a mobilização de toda a equipe. Eu acredito que estar em um espaço revitalizado representa um estado de cidadania. É um presente da Marinha para a sociedade. É um presente que a juventude que é atendida por essa escola e a comunidade, de uma maneira geral, precisa.  Os dois lados estão sendo presenteados, na verdade, porque a gente também via a gratificação dos militares por participarem desta ação”, disse a Diretora da Escola, Virgínia Vilagran Pinheiro.
 
Como parte dos eventos, Aspirantes da Escola Naval (EN) e militares dos navios da MB foram voluntários para doar sangue no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (HEMOCE), a fim de colaborar com o estoque de bolsas de sangue da organização. Cem militares compareceram ao local para o ato de solidariedade. Cada bolsa de sangue poderá salvar até quatro vidas.
 
O Aspirante Gustavo Caitano Oliveira, do terceiro ano da EN, revelou o sentimento do gesto  voluntário. “É muito gratificante saber que uma atitude tão simples pode ajudar alguém que está precisando muito. A primeira vez que doei sangue, já estava na Escola Naval e desde então tento sempre fazer a minha parte como cidadão e militar”.
 
Para o encerramento das atividades dos navios em Fortaleza, neste domingo, 21 de janeiro, haverá visitação pública gratuita no NAM “Atlântico” e na Fragata “Liberal”. Para tornar a experiência ainda mais agradável aos visitantes, em parceria Companhia Docas do Ceará, foram disponibilizadas cerca de 5.000 vagas para cadastramento com hora marcada, de forma a melhor organizar o acesso ao porto.
Galeria de fotos: 
Agência Marinha de Notícias