Marinha apoia caminhada pela conscientização do autismo no Rio de Janeiro

Leia Mais

Marinha apoia caminhada pela conscientização do autismo no Rio de Janeiro

Participação dos militares ocorreu no último domingo e se repetirá no próximo fim de semana
10/04/2024
Segundo-Tenente (RM2-T) Jéferson Cristiano Cardoso
Rio de Janeiro, RJ

Em homenagem ao Dia Mundial do Autismo, a Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais realizou uma apresentação para milhares de pessoas no último domingo (7), na Praia do Leblon, durante a 11ª Caminhada pela Conscientização do Autismo. Os militares da Marinha do Brasil (MB) emocionaram o público, entoando canções populares e formando caracteres e desenhos em alusão ao Transtorno do Espectro Autista (TEA).


Banda Marcial formou figuras e desenhos durante a apresentação – Imagem: Sargento Borges - MB

Os cerca de 100 militares que integram a Banda Marcial utilizaram instrumentos de sopro, percussão e a famosa gaita de fole para abrilhantar o evento. Ao final, a Banda formou um coração e o público entrou nele, soltando balões azuis em homenagem à data. Para a alegria das crianças, também estavam presentes as tradicionais Harley Davidson da MB e os personagens vivos Marinheiro e Fuzileiro Naval para fotos e brincadeiras.


Motocicletas da MB participaram da caminhada – Imagem: Suboficial Johson/MB

“Fazemos esse trabalho desde 2011, quando o iniciamos por sonharmos com uma sociedade mais inclusiva para nossos filhos. Hoje, meu filho que tinha 2 anos já fez 16. Por isso precisamos olhar para as pessoas que não têm condições para bancar um tratamento. O que estamos fazendo é lançar um alerta para a sociedade, nossos filhos estão crescendo e precisam de um mundo mais inclusivo. Essa parceria com a Marinha fez total diferença, pois cativou mais e mais pessoas a estarem presentes e conhecerem essa causa”, diz Ilton Caruso, um dos organizadores do evento.

Para Denise Aragão, da ONG Mundo Azul e uma das idealizadoras da caminhada, os números são o que mais chama a atenção. “Hoje em dia nós temos um crescimento exponencial nos casos de autismo. Para se ter uma ideia, em termos comparativos, nos anos 2000, tínhamos um caso de autismo a cada 150 crianças. Atualmente, nós temos um caso para 36 crianças. Ou seja, é vital lançar luz para essa questão e trazer o debate à tona, o que se torna mais possível por meio de parcerias público-privadas com entidades, associações e instituições”, explica.


Público interage com Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais – Imagem: Suboficial Johson - MB

Para o Capitão de Fragata (Fuzileiro Naval) Rafael Nachard Maciel, é um orgulho para a MB participar desse evento. “É o segundo ano que a Marinha do Brasil apoia essa iniciativa. Estamos presentes com a Banda Marcial e com os batedores militares e suas motocicletas. Nosso relacionamento com a Fundação Mundo Azul vem de antes, já trabalhamos com a causa da inclusão social de pessoas com deficiência há diversos anos, como no projeto Fuzileiro por Um Dia, no qual desenvolvemos atividades nos nossos complexos em Campo Grande, Penha, Ilha do Governador, Duque de Caxias e São Gonçalo”, explica.

Para a ilustradora Fawn Gomes, de 28 anos, que recebeu seu diagnóstico como autista há dois anos, a participação da Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais foi emocionante. “Eu venho na caminhada faz dois anos porque eu descobri muito tarde que eu era autista, então a bolha só estourou para mim depois dos 26 anos. Eu adoro a participação da Banda dos Fuzileiros, para mim esse é o ponto alto da caminhada. É muito bonito ver toda a organização e dedicação dos militares envolvidos”, destaca.


Público exaltou a participação da Marinha no evento – Imagem: MB

Para o dublador Guilherme Montenegro, que tem seu diagnóstico de autismo desde os 8 anos, a participação da sociedade em iniciativas como a 11ª Caminhada de Conscientização do Autismo é fundamental. “É muito bom poder estar aqui presente e participar dessa caminhada. Trata-se de um movimento importante para todos nós autistas e até mesmo para os não autistas, pois precisamos aumentar a diversidade de pessoas engajadas nesta causa. Além disso, ver a Banda trazendo um pouco mais de patriotismo para nós é uma coisa magnífica. Foram muitos sons bacanas, muita liberdade de expressão, com certeza esse é um momento especial e de muita glória para todos nós”, ressalta.

 

Próximo evento

No próximo domingo (14), a Caminhada pela Conscientização do Autismo será na Praia da Bica, na Ilha do Governador-RJ, e também terá concentração às 9h. Dessa vez, a Banda de Música do CFN fará uma apresentação especial para as crianças, com clássicos infantis e grandes sucessos da MPB, além de todas as atrações que estiveram no evento realizado no Leblon. A iniciativa contará ainda com a participação de empresas parceiras e serviços públicos, com tendas para o fornecimento de informações, prestação de serviços, brincadeiras e fornecimento de documentos para as famílias.

SERVIÇO:

Apresentação da Banda de Música do CFN
Data: próximo domingo (14)
Horário: concentração às 9h e início às 10h
Local: Praia da Bica, Ilha do Governador – RJ
Contatos: (61) 98164-1045 Capitão-Tenente (T) Fabrício Sérgio / cgcfn.comsoc@marinha.mil.br

Agência Marinha de Notícias